Academy - F8F-1/2 Bearcat "USS Tarawa" - 1/48

Código: ACA12313 Marca:
Ops! Esse produto encontra-se indisponível.
Deixe seu e-mail que avisaremos quando chegar.

O Grumman F8F Bearcat foi um caça embarcado monomotor à pistão, desenvolvido e fabricado pela Grumman Aircraft Engineering Corporation durante a Segunda Guerra Mundial, mas não sendo utilizado em combate durante essa guerra. O conceito Bearcat começou durante um encontro após a Batalha de Midway, no qual pilotos experientes do F4F Wildcat se reuniram com o vice-presidente da Grumman, Jake Swirbul, em Pearl Harbor, em 23 de Junho de 1942. Na reunião, o tenente-comandante Jimmie Thach enfatizou um dos requisitos mais importantes para um bom avião de combate, a taxa de subida. O desempenho da taxa de subida está fortemente relacionada com a relação peso-potência, e é maximizada envolvendo a menor e mais leve fuselagem possível em torno do motor mais potente disponível. Outro objetivo era que o G-58 (designação da Grumman para a aeronave) deveria ser capaz de operar a partir de porta-aviões de escolta, já que o F4F Wildcat era obsoleto e o Grumman F6F Hellcat era muito grande e pesado. Uma aeronave pequena e leve tornaria isso possível. Depois de analisar intensivamente porta-aviões no teatro de operações do Pacífico por um ano e meio, a Grumman iniciou o desenvolvimento do G-58 Bearcat no final de 1943. Há um debate considerável entre as fontes quanto à possibilidade ou não do caça alemão Focke-Wulf Fw 190 ter influenciado o design do G-58. Sabe-se que os pilotos de teste de Grumman examinaram e voaram um Fw 190 capturado na Inglaterra no início de 1943, e o G-58 tem um número de notas de design em comum com o Fw 190 que o Hellcat não possuía, especialmente na fuselagem do motor e arranjos de engrenagem do trem de pouso. No entanto, nenhuma evidência definitiva foi apresentada de que esses testes tiveram uma entrada direta para o projeto do G-58. Em 1943, a Grumman estava no processo de introdução do F6F Hellcat, que era equipado com o motor Pratt & Whitney R-2800, fornecendo 2.000 cavalos de potência (1.500 kW). O R-2800 era o motor mais potente disponível naquele momento, e por isso seria também selecionado para o G-58. Isso significava que o desempenho melhorado teria que vir de uma fuselagem mais leve. Para atingir este objetivo, a fuselagem do Bearcat era cerca de 1,5 metros mais curta do que o Hellcat e foi cortada verticalmente atrás da área do cockpit. Isto permitiu o uso de um vidro traseiro em forma de bolha dorsal, a primeira aeronave a apresentar essa característica na Marinha dos EUA. O estabilizador vertical era da mesma altura que o Hellcat, mas foi aumentado, dando-lhe um visual mais fino. Da mesma forma, a asa principal tinha o mesmo vão, mas com menor espessura, especialmente na base. Estruturalmente a fuselagem era fabricada utilizando a rebitagem nivelada, bem como a soldagem por pontos feitas com uma liga de alumínio adequada para operações em porta-aviões. Uma blindagem foi fornecida para a cabine do piloto, para o motor e para o radiador de óleo. Uma ligeira redução no tamanho das hélices foi feita em relação as hélices do Hellcat. A equipe de projeto tinha estabelecido que o G-58 deveria pesar 3.969 kg totalmente carregado. À medida que o desenvolvimento continuava, tornou-se claro que isso seria impossível de se conseguir, uma vez que a estrutura do novo caça tinha que ser feita forte o suficiente para aterrissagens em porta-aviões. Em última análise, a maior parte das medidas peso-econômicas incluídas foram restringir a capacidade interna de combustível a 160 galões (ou 660 litros aproximadamente) e limitar o armamento fixo a quatro metralhadoras Browning M2 de 12,7 mm, sendo duas em cada asa. O alcance operacional foi limitado devido à carga de combustível reduzida, oque significaria que o caça seria útil no papel de intercepção, mas significava que o Hellcat ainda seria necessário para patrulhas de longo alcance. Uma função planejada para mais tarde seria defender a frota naval contra ataques kamikazes. Em comparação com o Hellcat, o Bearcat era 20% mais leve, tinha uma taxa de subida 30% melhor, além de ser 80 km/h mais rápido. Outro conceito de economia de peso que os designers criaram foi as pontas das asas dobráveis, reduzindo o espaço ocupado no armazenamento dos porta-aviões. A Segunda Guerra Mundial já tinha terminado quando o F8F começou a ser introduzido. No pós-guerra, o F8F tornou-se um importante caça da Marinha dos EUA, equipando 24 esquadrões de caça e um número menor no corpo de fuzileiros navais. Muitas vezes é mencionado como um dos caças de motor a pistão de melhor manuseio já construídos, seu desempenho foi suficiente para superar muitos caças a jato da primeira geração. Sua capacidade para acrobacias é ilustrada por sua seleção como a segunda aeronave de demonstração de elite dos Blue Angels, em 1946, substituindo o Grumman F6F Hellcat. Os Blue Angels voaram no Bearcat até que a equipe foi temporariamente dissolvida em 1950 durante a Guerra da Coreia e pressionada em serviço de combate operacional. O Grumman F9F Panther e McDonnell F2H Banshee substituíram em grande parte o Bearcat por desempenho e outras vantagens de caças a jato sobre caças a pistão. O primeiro combate do F8F Bearcat foi durante a Primeira Guerra da Indochina (1946-1954), quando cerca de 200 Bearcats foram entregues às forças francesas em 1951. Quando a guerra terminou, em 1954, 28 Bearcats sobreviventes foram fornecidos ao Vietnã do Sul, entrando em serviço em 1956. A Força Aérea Sul-Vietnamita aposentou seus F8Fs restantes em 1963, substituindo-os pelo Douglas AD Skyraider e pelo North American T-28 Trojan. F8Fs também foram fornecidos para a Tailândia durante o mesmo período de tempo.

Modelo Estático destinado a Hobby - NÃO TEM VALOR DE BRINQUEDO
Produto destinado a colecionadores com mais de 14 (quatorze) anos.
Kit para montar e pintar - NÃO CONTÉM COLA NEM TINTAS
Imagem meramente ilustrativa da aplicação do produto.
A aparência final e características dependerão de como ele será utilizado pelo usuário.

Produtos relacionados

Sobre a loja

A Hobby Trade Center está há mais de 25 anos no mercado de modelismo,comercializando kits plásticos para montar, miniaturas em metal (die cast),trens elétricos, brinquedos educativos, quebra cabeças em 3D entre outros produtos.. Em nossa empresa você irá encontrar a mais variada gama de produtos do ramo, um execelente atendimento, sempre com qualidade e agilidade!

Social
Pague com
  • Pix
  • Pagar.me V2
Selos

HTC COMÉRCIO DE MODELISMO LTDA - CNPJ: 96.601.257/0001-78 © Todos os direitos reservados. 2022


Para continuar, informe seu e-mail